sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Outra foto falsa do holocausto



Creio que muitos já viram a foto acima, pois é muitíssimo usada como sendo uma das provas do holocausto judeu durante a 2ª GM. Porém, esta famosa foto é uma grosseira manipulação. Vejamos.

Abaixo, imagem das págs. 42 e 43 da revista The New York Times Magazine de domingo, 6 de maio de 1945, dois dias antes do término da guerra na Europa.



E agora a mesma pág. 42 ampliada:


"Crowded bunks in the prison camp at Buchenwald", tradução: Beliches lotados no campo de prisioneiros de Buchenwald

Reparem que nesta foto original ampliada da revista americana, não aparece o homem encostado no madeiro que serve de apoio ao galpão.

E abaixo, temos uma animação para melhor visualização e compreensão da falsificação.



Se o holocausto foi um evento tão óbvio assim, porque a necessidade de criar tantas imagens (essa é apenas mais uma) fraudadas, inventadas, manipuladas e torcidas do original?

Por essa e outras que os judeus tem esse assomadiço pelos revisionistas e pelo revisionismo especialmente desde período e fatos. E tentam de todas as formas considerá-lo como crime de ódio, crime de racismo, fugindo dos debates, censurando até com truculência publicações, pesquisas e opiniões contrárias, proibindo pesquisas, escavações, análises e investigações forenses referentes ao mencionado período e fatos.

"Quem não deve, não teme", adágio popular.



Abraços

2 comentários:

  1. "Temo que eles devem". Meu adágio.

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. http://www.cella.com.br/blog/wp-content/uploads/2009/12/liberdade_almap.jpg

      Excluir

"Numa época de mentiras universais, dizer a verdade é um ato revolucionário."
George Orwell

"Até que os leões tenham seus próprios historiadores, as histórias de caçadas continuarão glorificando o caçador."
Eduardo Galeano

Desejando, expresse o seu pensamento do assunto exposto no artigo.
Agressões, baixarias, trolls, haters e spam não serão publicados.

Seus comentários poderão levar algum tempo para aparecer e não serão necessariamente respondidos pelo blog.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

Agradecido pela compreensão e visita.