quinta-feira, 26 de junho de 2014

Vendéia, crime maçônico

170 mil franceses assassinados pela revolução maçônica só na região de Vendéia!

       
Guerra da Vendéia: Henri de La Rochejacquelein no combate de Cholet, 1793.

Na cidade de Nantes, o comandante revolucionário e maçon Jean-Baptiste Carrier livrou-se de prisioneiros de guerra vendeianos numa, horrivelmente eficiente, forma de execução em massa. Nas chamadas “noyades” – afogamentos em massa – homens, mulheres e crianças, nus, foram amarrados juntos em botes especialmente construídos, que foram rebocados para o meio do rio Loire e, então, afundados na base de estocadas à baionetas. 

O general francês François Joseph Westermann, enviou uma carta para o Comitê de Salvação (sic) Pública declarando:

"Não há mais Vendéia… De acordo com vossas ordens (dos maçons), esmaguei as crianças debaixo das patas dos cavalos, massacrei as mulheres que nunca mais darão à luz bandidos. Eu não tenho um só prisioneiro que possa me recriminar. Eu exterminei todos".

https://www.youtube.com/watch?v=FJmKOhxeMfY

Em homenagem ao 219 º aniversário da execução injusta (assassinato) do rei Luís XVI da França pela Maçonaria anticristã fomentadora da Nova Ordem Mundial onde a Besta do Apocalipse governará a Terra, a Navis Pictures lança um filme sobre a heróica história de resistência de uma comunidade católica francesa contra estas hostes do mal em "A Guerra da Vendéia".

O filme é uma lembrança das famílias injustamente martirizado no oeste da França, na localidade de Vendéia. E a revolução maçônica continua seus crimes ainda hoje, não mais conta tanta matança, porque já avançaram bastante em sua agenda de dominação das mentes, da política e economia. Atacam agora especialmente contra o nascituro, a família tradicional, a soberania dos povos e contra a fé e moral cristãs.

   Resultado de imagem para "Revolução e Contra-Revolução" de Plinio Corrêa de Oliveira
Importante a leitura do livro "Revolução e Contra-Revolução" de Plinio Corrêa de Oliveira, pdf grátis:
http://www.pliniocorreadeoliveira.info/RCR.pdf

Mais um crime da Maçonaria que você não deve saber. E que ninguém pense que foi um caso isolado, porque guerras e genocídios acompanham o avanço e o histórico da Maçonaria anticristã. A Guerra Cristera ou Cristiada (1926 e 1929) no México fizeram a mesma coisa.
__________________________________________________

Análise real da Revolução Francesa:

Basicamente, o massacre da Vendéia prova que:

a ) A Revolução Francesa não estava ajudando os camponeses, como todos da Vendéia eles destruíram os camponeses;

b ) A Revolução Francesa não era sobre a luta contra a Realeza, pois que ninguém da Vendéia que foram mortos era da realeza; e

c ) A Revolução Francesa foi mais sobre a luta contra o Cristianismo, como todos da Vendéia eles mataram muitos devotos cristãos católicos que lutavam para proteger e defender os seus sacerdotes dos horrores da Revolução Francesa.

A Revolução Francesa não era apenas sobre ateus lutando contra todas as religiões, porque ainda hoje, os nossos judeus media-escribas estão sempre gritando "Viva a Revolução!"

Se a luta contra a Revolução Francesa fosse contra TODAS as religiões, então você poderia pensar que os judeus nas mídias seriam contra a Revolução Francesa e a denunciariam. Mas uma e outra vez, os judeus nas mídias romantizam a Revolução Francesa. Eles adoram ela!

Objetivos reais da Revolução Francesa:

No meu ponto de vista da forma como o mundo funciona, às custas dos cristãos, aqui eram os verdadeiros objetivos da Revolução Francesa:

O slogan "Liberdade" era dar liberdade aos judeus;

O slogan "Igualdade" era dar igualdade aos judeus; e

O slogan "Fraternidade" era fazer com que todo mundo tratasse os judeus bem.

Cada outro francês que se danasse!

Fonte: http://www.thechristiansolution.com/doc/20081229_108_FrenchRevolution.html

Neste vídeo feito em homenagem aos que foram martirizados pelo purim judaico-maçom, temos um olhar sobre a história em gravuras da contra-revolução francesa épica quando as forças monarquistas do Vendéia, Bretanha, Maine e em outras áreas se levantaram em favor de Deus e do Rei contra as forças perversas da revolução maçônica. Elas foram infrutíferas e os republicanos realizaram uma campanha de genocídio em toda a região. No entanto, o levante de Vendéia desempenhou um papel-chave na história da França por um longo tempo. Tem sido argumentado que Napoleão não poderia ter sido derrotado em Waterloo, se não tivesse sido forçado a enviar tropas para acabar com outra rebelião monarquista em Vendéia. Ainda em 1830 a região do oeste da França ainda estava a lutar pela restauração dos verdadeiros reis da França.


Abraços

4 comentários:

  1. Simplesmente rico, sério, enriquecedor e documental. Infelizmente, esse fato histórico não consta nos livros didáticos do ensino de História. É uma pena que as pessoas que estão sendo graduadas seja em história, sociologia ou filosofia, nada mais são que burros de cargas de uma agenda poderosa. Creio que todo cristão deveria incentivar os jovens a buscarem o conhecimento sério e, se resolverem graduar-se, agirem como uma luz nas salas de aulas de nosso país; a carência é imensa! Parabéns pela postagem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse não consta nos livros tidos por didáticos, não consta a verdade sobre o que foi a revolução francesa que foi um golpe de estado judaico-maçon anticristão, nem consta a Guerra Cristera, outro crime hediondo da maçonaria. A lista é grande. E eles tem medo.

      Divulgue caro Adilson e obrigado pela sua visita. Abraços

      Excluir
  2. Foi a maçonaria Judaica que derrubou a monarquia no Brasil,o Brasil foi um grande império vejam: defesadamonarquia.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi a maçonaria judaica que a colocou também

      Excluir

"Numa época de mentiras universais, dizer a verdade é um ato revolucionário."
George Orwell

"Até que os leões tenham seus próprios historiadores, as histórias de caçadas continuarão glorificando o caçador."
Eduardo Galeano

Desejando, expresse o seu pensamento do assunto exposto no artigo.
Agressões, baixarias, trolls, haters e spam não serão publicados.

Seus comentários poderão levar algum tempo para aparecer e não serão necessariamente respondidos pelo blog.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

Agradecido pela compreensão e visita.